Francesco Schettino, ex-comandante do navio Costa Concordia, foi condenado a 16 anos de prisão por causa do naufrágio do cruzeiro no qual morreram 32 pessoas, em janeiro de 2012.

CASO CONCORDIA

Al. Bemerguy

Al. Bemerguy

Aluno do 3° ano do curso de Náutica e Diretor do Jornal Canal 16.

Você pode gostar...

  • Excelente artigo! Este capitão não representa os mercantes! 😉

  • … isso é que é, onde estava o prático? …

    • Al. Marcus Leal

      Não existia Prático a bordo pois não era uma manobra de atracação, foi pura irresponsabilidade do comandante se aproximar da costa.

  • Antonio Carlos Batista Pereira

    No meu entender este capitão Schetino deveria ter uma pena de 30 anos, ou mais. De qualquer forma, ele acabou sendo sentenciado a 16 anos, pelo menos já é alguma coisa, terá uma punição. Agora, precisaria a meu ver fazer uma sindicância Junto à Compan hia de Navegação proprietária do navio que deu o comando do mesmo para uma pessoa, no caso Schetino, que já tem um histórico de imperícia com um choque de uma outra embarcação no passado. Que tipo de avaliação a Cia. Costa fez?