Alunos do CIABA desfilam no 07 de setembro, Dia da Independência.

Na última  sexta-feira, dia 07 de setembro de 2018, o Brasil completou 195 anos de Independência. Nessa data, em todo o país, militares e civis participam de atos cívicos de respeito e patriotismo referente a esse fato histórico, tão importante para a construção da identidade Nacional Brasileira. Em Belém, a Avenida Presidente Vargas é o palco dos desfiles militares, compostos por destacamentos das três Forças Armadas Brasileiras: Marinha, Exército e Aeronáutica, e das Forças Auxiliares: Polícia Militar e o Corpo de Bombeiros. Além desses, instituições civis também participam do belíssimo evento em homenagem à Independência do Brasil.

Como militares da Marinha, os alunos do Centro de Instrução Almirante Braz de Aguiar (CIABA) participaram do desfile, compondo a Guarda Bandeira e os destacamentos masculino e feminino, juntamente com militares do 4°Distrito Naval e da Base Naval de Val de Cans.

O dia do desfile começou com a Alvorada às 04h50min da manhã, sendo servido às 05h00min, o café da manhã reforçado para os alunos e militares do CIABA. Após estarem municiados, às 05h50min, os alunos embarcaram nas viaturas e seguiram em direção à Base Naval de Val de Cans para o reunir com os militares que partiriam da Base. Às 06h30min, seguiu-se caminho ao local designado para o desfile. Às 07h00min, o dispositivo de marcha  já estava a postos.

O desfile foi comandado pela Capitã de Mar e Guerra Ana Beatriz de Alcântara, da Marinha do Brasil, quem realizou a primeira revista à tropa. Uma segunda revista foi realizada por autoridades militares das Forças Armadas e das Forças Auxiliares. A maior autoridade civil presente no desfile foi o Governador do Estado do Pará, Excelentíssimo Senhor Simão Jatene.

Às 10h00min, após os destacamentos de colegiais e de entidades civis, chegou o tão esperado momento. Ao som do hino “Viva a Marinha” sucedido pela canção “Cisne Branco”, os alunos romperam marcha em direção à Avenida Presidente Vargas, onde se localiza o palanque das Autoridades e, geralmente, ficam as maiores concentrações da sociedade civil que prestigia os desfiles.

A marcha se encerrou nas proximidades da Praça Waldemar Henrique ainda na Presidente Vargas. Os alunos, após o fora de forma, puderam embarcar novamente nas viaturas e retornar ao CIABA com sentimento de dever cumprido após desfilar em honra à Independência do Brasil.

 

 

 

 

 

Al Rogério Viana

Texto – Al Rogério Viana

Al Rozeira

Revisão – Al Rozeira

 

 

 

 

Você pode gostar...